Especial: gêmeas do Unidos da Vila fazem a alegria nos campos de futebol da região

Maria Clara e Maria Laura acordam cedinho aos domingos em época de campeonato para ver o Unidos da Vila do Jardim Picerno da cidade de Sumaré entrar em campo, simultaneamente com o espetáculo da festa da torcida Fúria Azul.
Maria Clara Pereira Modesto e Maria Laura Pereira Modesto são gêmeas apaixonadas pelo Unidos da Vila. A torcida Fúria Azul (UDV) sempre foi conhecida por contar com presença de muitas crianças. Agora, em dose dupla, Maria Clara e Maria Laura embelezam com seus sorrisos e dão um toque angelical na arquibancada.
Elas são fanáticas pelo time do Jardim Picerno. Vem de família, dizem. O carinho pelo clube chega a prejudicar a sono das irmãs. Maria Clara e Maria Laura, durante o campeonato, acordam cedo aos domingos para assistir os jogos e participar da festa que seduz os olhos pela grandiosidade do show que a Fúria Azul faz para incentivar o time alviceleste.
Tanto Maria Clara e Maria Laura começaram a gostar de futebol em meados de 2017 e, desde então, vestem a camisa do clube e, ao lado de seu pai, Val Modesto, sempre que possível, acompanham os jogos do Unidos da Vila, indiferentemente de ser no Caldeirão do Picerno, Centro Esportivo ou em outro local.
O engraçado nesta história que ambas não curtiam muito futebol e passaram a gostar do UDV justamente pela animação da torcida, coisa de criança.
Perguntamos para as irmãs qual foi jogo marcante que assistiram e, de imediato, responderam: Unidos da Vila x Parque Brasília no Caldeirão. Também perguntamos se haviam feito alguma loucura pelo UDV. Maria Clara respondeu: “Acordei bem cedo, fui de casa até o Picerno só para voltar (descendo) com a torcida, pois eu moro quase ao lado do Centro Esportivo”. Já Maria Laura: “Provavelmente, foi pular o alambrado, levando em conta minha altura.”
Para Maria Clara, seu time é o melhor de todos. Maria Laura emenda: sem dúvida, o Unidos é muito bom. Em seguida perguntamos se entre os jogadores havia um ídolo, um jogador em especial, Maria Clara elegeu Rosca, já Maria Laura preferiu escolher todos os jogadores.
O futebol é uma festa e as gêmeas, com seus olhos de crianças, aproveitam isso muito bem, passando uma mensagem de que o esporte é saudável e divertido, não importa se o time perder; o importante é lutar pela vitória e a torcida fazer o melhor: incentivar.

Domingo, 12 de Setembro de 2021

Veja Também

Com show de ‘D9’, U. da Vila bate o São Marcos por 7 a 1 na volta da Copa Ases

Picerno foi até Campinas, fez um primeiro tempo páreo com o São Marcos, no segundo ...