Futebol de várzea de Sumaré segue como importante instrumento social

Sumaré possui campos de futebol espalhados pelos quatro cantos da cidade, principalmente na periferia, onde os acessos aos grandes eventos de entretenimento são inacessíveis para essas comunidades. O futebol ganha papel importante para suavizar a falta destes eventos, como forma de lazer e diversão.
O futebol de várzea ainda prevalece nos bairros e comunidades periféricas, como essencial ferramenta de sociabilidade e opção para muitos jovens que sonham em voar mais alto, jogar em times profissionais ou, até mesmo, atuando como árbitros de futebol.
O futebol de várzea como lazer nos finais de semana, age de forma impactante na vida e no bem-estar de muitas pessoas. Proporciona uma forma de lazer saudável através da atividade física aos atletas, diversão para quem assiste (torcida) e de rever os amigos, fonte de renda para os comércios informais e ambulantes, que transformam os arredores dos locais de jogos em verdadeiras praças de alimentação.
}“Está comprovado que o futebol é um meio eficaz para melhorar ou manter a saúde e sua prática desde a infância permite desenvolver não só qualidades físicas, como também psíquicas e morais”
Um campo de futebol de várzea também se torna palco de grandes partidas, momentos de alegria, espaço de integração e, quem sabe celeiro de grandes craques. A várzea se tornou a forma mais popular e simples de lazer.
É um acontecimento que movimenta diversas comunidades em um só dia, seja através dos amistosos ou campeonatos. Nesses campos de futebol de várzea os árbitros atuam para realizar os seus sonhos de apitar jogos do futebol profissional. São homens e mulheres em busca de seus objetivos e um complemento de renda. Eles e elas conduzem os jogos, intermediando as paixões de outros atores vinculados a essa prática esportiva e cultural.
É preciso uma legislação cabível para efetivar o esporte como instrumento de inclusão social, permitindo as comunidades, principalmente as localizadas na periferia de Sumaré, o acesso aos eventos esportivos e culturais, garantindo a essa população a igualdade e autoestima de ser sumareense.

Domingo, 18 de Julho de 2021

Veja Também

Biel marca dois, goleiro brilha e Flamengo vai à final da Copa Cidinho

O Flamengo mostrou a tradição da sua camisa, se impôs em campo e contou com ...