Grupo ADM pretende investir mais de US$ 100 milhões em Hortolândia

Empresa norte-americana vai construir centro de pesquisas e fábrica para produção de proteína vegetal no município

O Grupo ADM, gigante mundial do agronegócio, informou que vai investir mais de US$ 100 milhões em Hortolândia nos próximos anos, com previsão de criação de 150 empregos diretos. O anúncio foi feito na última quarta-feira (2) pelo prefeito José Nazareno Zezé Gomes (PL), após reunião com representantes da multinacional norte-americana.
“É com grande alegria que recebo a informação que o Grupo ADM, uma das maiores empresas do agronegócio no mundo e especializada em proteína vegetal, investirá mais de 100 milhões de dólares em Hortolândia. Sem dúvida, uma grande notícia para o nosso município. Hortolândia vem consolidando sua vocação de ser uma das melhores cidades para se investir no Brasil”, afirmou Zezé, em postagem no Facebook.
Uma das empresas do grupo, a Upsciense Laboratórios, especializada em análises físico-químicas, microbiologia e biologia molecular, opera no Jardim Santa Clara do Lago. De acordo com a prefeitura, de imediato, a ADM investirá US$ 5 milhões na criação do seu Centro de Pesquisa e Inovação e, num segundo momento, construirá uma fábrica para produção de proteína vegetal no município. Uma área localizada ao lado do laboratório já estaria na mira do grupo para dar início ao processo de expansão dos negócios na cidade.
Como quinto país mais populoso do mundo e maior economia da América do Sul, o Brasil é parte importante dos crescentes negócios globais da ADM. No Brasil, a empresa processa e vende soja, milho e produz alimentos para animais, além de biocombustíveis, produtos químicos e ingredientes especiais para a indústria.

GRUPO ADM
A Archer Daniels Midland Company iniciou as suas operações no Brasil em 1997 após adquirir instalações de esmagamento, elevadores de grãos e silos. No país, a empresa processa e comercializa soja, milho e produz ração animal, além de biocombustíveis, produtos químicos e ingredientes especiais para a indústria. A companhia opera mais de 270 fábricas no mundo.
Com logística privilegiada – localizada entre as rodovias Anhanguera, Bandeirantes e Dom Pedro I e próxima ao Aeroporto Internacional de Viracopos –, investimento crescente em infraestrutura e mobilidade urbana e áreas disponíveis para negociação, Hortolândia tem se consolidado com uma das melhores cidades para se investir no Brasil.

RANKING
No ano passado, a cidade ficou na segunda posição no ranking “As 100 melhores cidades para fazer negócios”, elaborado pela empresa Urban Systems para a revista Exame. O ranking abrangeu 326 cidades brasileiras com população acima de 100 mil habitantes, de acordo com a estimativa deste ano do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Quarta-feira, 9 de Junho de 2021

Veja Também

Medidas protetivas contra violência doméstica crescem 65,4% na região

De acordo com o Tribunal de Justiça, foram 379 pedidos entre janeiro e maio de ...