Número de casos de dengue cai 34% em Nova Odessa em 2021

O total de casos de dengue caiu 34,1% em Nova Odessa nos primeiros cinco meses de 2021, na comparação com 2020. Mesmo assim, o alerta dos órgãos de saúde contra os criadouros do mosquito Aedes aegypti continua, pois historicamente cerca de 80% ou mais dos recipientes que acumulam água limpa são encontrados no interior dos imóveis particulares das cidades.
Até o final de maio, a Vigilância Epidemiológica municipal registrou 187 casos positivos da doença, cujo vírus é transmitido de uma pessoa contaminada para uma pessoa saudável através da picada da fêmea do mosquito. No mesmo período (janeiro a maio) de 2020, esse total foi de 284 exames positivos de moradores da cidade. Para comparação, em todo o ano passado, Nova Odessa registrou 339 casos positivos de dengue, a maior parte nos primeiros seis meses do ano. Em 2019, foram confirmados 925 casos da doença na cidade.
Mesmo com o fim do período mais chuvoso e quente do ano, é preciso manter a atenção na “guerra contra o Aedes”. “A redução no número de criadouros ainda é o melhor método para se prevenir a proliferação de mosquitos e das doenças transmitidas por eles”, reforçou a encarregada do Setor de Zoonoses da prefeitura, a veterinária Paula Faciulli.
“É importante combater o mosquito transmissor da dengue principalmente no atual momento de agravamento da outra pandemia, a de Covid-19, que tem colocado o Sistema de Saúde sob grande pressão por atendimentos e internações”, disse recentemente o secretário municipal de Saúde, o médico Nivaldo Luís Rodrigues.

Quarta-feira, 9 de Junho de 2021

Veja Também

Após saída de investigadores de DPs, Alan Leal faz apelo a delegada seccional

A informação de que todos os investigadores da Polícia Civil que atuam nos seis distritos ...