Homem de 54 anos morre após ser espancando em Hortolândia

Um homem de 54 anos foi espancado no meio da rua, na última sexta- -feira (30), no Jardim São Sebastião, em Hortolândia. Ele foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levado ao Hospital Municipal Mário Covas, de onde foi transferido para o Hospital Samaritano, com ferimentos internos, por conta das agressões. Ele faleceu na manhã de sábado (1º). A vítima havia trabalhado como motorista no Samu da cidade. Porém, atualmente, atuava na Central de Ambulância da Prefeitura de Hortolândia.
As primeiras apurações da polícia dão conta de que ele teria sido agredido por várias pessoas. No entanto, elas não foram identificadas. Os policiais militares estiveram no local onde a vítima foi espancada, mas não localizaram nenhuma testemunha que pudesse esclarecer as circunstâncias do crime.
O boletim de ocorrência foi registrado no Plantão Policial pelo delegado Gabriel Fagundes Toledo Netto, mas o caso será apurado pelos policiais civis do 2º Distrito Policial. Até o fechamento desta edição, a polícia ainda não tinha pistas sobre os agressores.

SAMU
O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência publicou nota sobre o homicídio. “É com muito pesar e grande tristeza que informamos o falecimento do ex-condutor Roberto Martins da Silva. Roberto tinha 54 anos, foi condutor no Samu Hortolândia e, recentemente, foi para Central de Ambulância. Nesse momento de dor, o Samu Hortolândia se solidariza e manifesta apoio à família e amigos, e expressa as mais sinceras condolências pela perda”.

Terça-feira, 4 de Maio de 2021

Veja Também

Irmãos são presos acusados de roubo

Dois irmãos acusados de roubarem uma moto no Parque Orestes Ôngaro, em Hortolândia, foram presos ...