Homem de 35 anos morre em decorrência de complicações da Covid-19 em Hortolândia

Um homem de 35 anos, sem histórico de doenças preexistentes, está entre as três vítimas fatais de Covid-19 notificadas nesta sexta-feira (30) pela Prefeitura de Hortolândia. Outros cinco óbitos atribuídos à doença causada pelo novo coronavírus foram registrados em Sumaré e Paulínia. As secretarias de saúde também confirmaram 130 novos casos nesta sexta.
De acordo com a Secretaria de Saúde de Hortolândia, o rapaz foi internado na Casa de Saúde de Campinas no dia 31 de março. A morte ocorreu no último domingo (25). Um homem de 44 e uma mulher de 50 anos, também sem comorbidades, morreram na quarta (28) e na quinta-feira (29), respectivamente, em unidades hospitalares do município.
De acordo com o boletim divulgado pela secretaria, Hortolândia confirmou mais 14 infecções e totaliza 12. 280 contaminados, incluindo 478 mortes.
Em Sumaré foram registrados mais três óbitos e 39 casos da doença. A Secretaria de Saúde não informou os perfis dos pacientes, as datas e os locais das mortes. O município contabiliza 19.683 pessoas infectadas e 691 mortes desde o início da pandemia.
Duas mulheres, de 58 e 84 anos não resistiram à agressividade do coronavírus e morreram em Paulínia, nos dias 18 e 28 de abril (quarta-feira). Segundo a Secretaria de Saúde, elas não tinham comorbidades. Com os 42 novos casos confirmados nesta sexta, o município totaliza 11.104 casos positivos da doença, incluindo 188 óbitos.
As prefeituras de Monte Mor e Nova Odessa não registraram óbitos nesta sexta. Monte Mor registrou 16 novos casos positivos, elevando a 4.149 o número de contaminados, incluindo 123 mortes. Já o ‘Paraíso do Verde’, que tem 146 vítimas fatais desde o começo da pandemia, notificou mais 19 diagnósticos e chegou a 3.620 infectados.

Sábado, 1º de Maio de 2021

Veja Também

Willian questiona atraso no repasse de recursos para ONGs de Sumaré

O presidente da Câmara de Sumaré, Willian Souza (PT), cobrou informações sobre o atraso no ...