Aulas presenciais serão retomadas nesta semana em escolas estaduais e particulares

Municípios seguem Plano São Paulo e autorizam retomada das atividades; redes municipais seguem com ensino remoto

As escolas estaduais e particulares da região estão autorizadas a realizar aulas presenciais a partir desta semana. A retomada está prevista na última atualização do Plano São Paulo, que na última sexta-feira (9) recolocou o Estado na fase vermelha, e está sendo ratificada pelas prefeituras. Já as redes municipais seguem atendendo os estudantes de forma remota.
Em Hortolândia, o decreto 4.774, editado na sexta, autorizou o retorno das atividades escolares presenciais na rede de educação estadual e particular a partir desta quarta (14), conforme estabelece a determinação estadual. “A porcentagem de alunos não poderá em hipótese alguma ultrapassar o número já estipulado no Decreto do Estado de São Paulo para cada fase [35% na vermelha].
Protocolos rígidos de segurança sanitária deverão ser seguidos por cada escola, além de serem adotados cuidados especiais nos horários de entrada e saída, a fim de evitar aglomerações”, afirmou a Secretaria de Educação local, por meio de nota. A previsão de início das aulas presenciais na rede municipal hortolandense é dia 5 de maio.
A Prefeitura de Nova Odessa editou nesta segunda-feira (12) o decreto municipal readequando o funcionamento dos setores público e privado da cidade à fase vermelha. O município também segue o Plano SP e libera as aulas nas redes estadual e particular a partir desta quarta. A Secretaria de Educação, no entanto, ainda não definiu a data de reinício das aulas presenciais na rede municipal de ensino.
A Secretaria de Educação de Paulínia informou que as escolas particulares estão autorizadas a desenvolver atividades presenciais com os alunos a partir de sexta-feira (16). Já a rede municipal deve retomar as aulas com ocupação das escolas a partir da próxima segunda (19).
Em nota encaminhada à redação, a Prefeitura de Sumaré informou que vai seguir o Plano São Paulo, mas ainda não definiu como ocorrerá a retomada no município. “Ainda esta semana deve acontecer uma reunião da Secretaria de Educação junto a diretores, supervisores e Conselho Municipal de Educação para discutir o assunto e para a tomada de decisões, sempre levando em conta a segurança em saúde de alunos e profissionais”, afirmou a Administração.
A Secretaria de Educação sumareense afirmou que acompanha os resultados obtidos em outras cidades da RMC (Região Metropolitana de Campinas) “quanto à retomada de 35% do ensino na modalidade ‘híbrida’ [mix de aulas presenciais e remotas] e está bastante otimista dado o início, no último sábado (10), da imunização contra a Covid-19 para os profissionais da Educação”. Enquanto isso, as aulas na rede municipal continuam ocorrendo de forma remota.

Terça-feira, 13 de Abril de 2021

Veja Também

Etec e Fatec de Sumaré abrem período para pedidos de isenção

Está aberto o período para a solicitação da isenção total ou parcial da taxa de ...