Ativista de comunidade negra e religiões africanas é morto em Hortolândia

Vítima participava de reunião de uma ONG, quando um homem invadiu o local e atirou seguidas vezes; segurança também foi baleado

Wagner Luiz Alves, de 37 anos, foi morto a tiros enquanto participava da reunião de uma ONG (organização não governamental), na noite de sábado (10), no Parque São Miguel, em Hortolândia. Um homem teria invadido o local e atirado seguidas vezes em direção à vítima. Alves, que é muito conhecido na região como ativista de comunidade negra e religiões africanas foi baleado na cabeça e não resistiu. Um segurança de 44 anos foi baleado no pé. O suspeito fugiu em uma motocicleta. De acordo com a Polícia Militar, um homem foi flagrado com uma pistola calibre 380, mesmo calibre usado no crime, após se envolver em um acidente na Rodovia dos Bandeirantes. Ele está sendo investigado pela Polícia Civil.
Segundo o boletim de ocorrência, por volta das 20h de sábado, a vítima, o segurança e várias pessoas participavam de uma reunião de uma ONG (que não foi identificada pela polícia) na Rua Joseph Paul Julien Burlandy, quando o atirador invadiu o local e passou a atirar.
Em seguida, ele fugiu em uma moto, deixando para trás diversas cápsulas deflagradas e intactas, todas aparentemente do mesmo calibre – 380. Os policiais militares apuraram que o autor seria nigeriano, residente em Pirituba, em São Paulo.
Enquanto a ocorrência era registrada no Plantão Policial de Hortolândia, um delegado da 2ª Delegacia Seccional de Campinas ligou informando que um homem teria se envolvido em um acidente de trânsito na Rodovia dos Bandeirantes e portava uma pistola do calibre 380, que poderia ter sido usada no homicídio e tentativa de homicídio em Hortolândia. No entanto, ainda não tinha nenhum indício que realmente pudesse ligá-lo ao crime.
O caso foi registrado pelo delegado Bruno Ramaldes Puppim. Tanto o nigeriano quanto o homem que foi abordado com uma pistola serão investigados pela Polícia Civil. Até o fechamento desta edição, ninguém havia sido preso.

Terça-feira, 13 de Abril de 2021

Veja Também

PF e Polícia Rodoviária Federal apreendem 5,5 toneladas de maconha

Três homens foram presos durante uma operação realizada pela Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal, ...