Técnica de enfermagem de 72 anos é primeira vacinada em Paulínia

A Prefeitura de Paulínia recebeu do governo de São Paulo, na noite de quarta-feira (20/01), 1.120 doses da vacina contra Covid-19 para o início da Campanha Municipal de Imunização. A aplicação da primeira vacina em Paulínia ocorreu na manhã desta quinta-feira (21/01), no Hospital Municipal, com a presença do prefeito Du Cazellato. Para o prefeito Du Cazellato, a aplicação da primeira dose foi um momento importante para o controle da pandemia.
“Agradeço em nome da técnica de enfermagem, Eliete, que há 34 anos e trabalha no Hospital Municipal, toda dedicação que os profissionais de saúde tiveram com nossa população”, comentou o prefeito emocionado.
A Secretaria Municipal de Saúde de Paulínia definiu que as primeiras pessoas a serem vacinadas na cidade são os servidores que atuam na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Covid-19, na Enfermaria Respiratória e na Unidade Respiratória do Hospital Municipal de Paulínia.
Na sequência profissionais da rede municipal e privada, serão imunizados. De acordo com as informações divulgadas pela prefeitura, isso ocorrerá de forma gradativa conforme a cidade for recebendo novas doses. Os critérios para imunização foram definidos pelo Ministério da Saúde, por meio do Plano Nacional de Imunização, que prevê a vacinação primeiro dos profissionais de saúde e na segunda etapa dos idosos.
O local onde as vacinas estão armazenadas será mantido em sigilo por motivos de segurança. Orly Alves, farmacêutico do HMP, acompanhou o ato, representando o Conselho Municipal de Saúde.

QUEM É A PRIMEIRA VACINADA?
A primeira moradora de Paulínia vacinada contra a Covid-19 é Eliete Maria Greco, 72 anos, técnica de enfermagem, e que há 25 anos atua na UTI do Hospital Municipal de Paulínia. Segundo a própria prefeitura, Eliete atua com dedicação, carinho e responsabilidade, buscando sempre à excelência nos cuidados com os pacientes. É considerada exemplo para os demais colegas de profissão.
Atuou por meses na linha de frente, não aceitando se afastar por diversas vezes, até ser convencida pelos companheiros. Antes, cuidou de vários pacientes com Covid-19.
Eliete é nascida e reside em Paulínia, tendo 36 anos dedicados à Enfermagem, sendo 34 no Hospital Municipal.
de Paulínia aplicou 80 doses da vacina contra Covid-19. Os profissionais que atuam na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid-19, Enfermaria Respiratória e Unidade Respiratória do Hospital Municipal foram priorizados.
A meta da Secretaria de Saúde é vacinar 2609 trabalhadores da área e depois iniciar a segunda fase onde serão priorizados idosos com 60 anos ou mais, conforme determina o Plano Nacional de Imunização do Governo Federal.
Nesta sexta-feira, 22, a campanha volta a ser realizada. Todas informações relacionadas a Campanha Municipal de Vacinação serão divulgadas no site da Administração (www.paulinia.sp.gov.br) e nas páginas do Facebook e Instagram (@prefpauliniasp).

Sexta-feira, 22 de Janeiro de 2021

Veja Também

Guardas de Sumaré fazem avaliação para renovação de porte de arma

Avaliar o conhecimento e as técnicas dos agentes de segurança pública. Com essa finalidade a ...