Região segue na Fase Amarela, apesar do aumento de casos

Paulínia entrou em estado de alerta; ocupação hospitalar de pacientes graves está acima de 80%

O governo estadual de São Paulo atualizou nesta sexta-feira (15/01) o Plano SP para a retomada das atividades da economia e as cidades da região (Sumaré, Hortolândia, Paulínia, Monte Mor e Nova Odessa) seguem na Fase Amarela, apesar do avanço da pandemia. As regras da 18ª classificação foram anunciadas em coletiva de imprensa, no Palácio dos Bandeirantes, e entram em vigor na próxima segunda-feira (18/01). Inicialmente, a atualização estava prevista para o dia 5 de fevereiro, mas foi antecipada por conta do aumento de casos da doença. A nova classificação está prevista para sexta-feira (22/01).
O governo do estado também colocou em alerta 43 cidades que, independentemente da classificação de suas regiões, estão com ocupação hospitalar de pacientes graves com coronavírus acima de 80%. Paulínia está na lista dos municípios em alerta. A recomendação é que as prefeituras destas cidades determinem a restrição total de atividades não essenciais para aliviar a pressão sobre hospitais públicos e particulares.
As cidades da região já somam 702 mortes causadas pela Covid-19 e 25.146 casos da doença. Ontem Sumaré registrou mais três óbitos e Hortolândia uma morte. Em Paulínia, são 94 óbitos e 5.500 casos confirmados.
O Centro de Contingência também recomendou que todos os 645 municípios paulistas endureçam regras para reuniões de trabalho em locais fechados, como limite máximo de 25 pessoas e distanciamento mínimo de 1,5 metro. Eventos sociais e familiares também devem ser evitados devido ao recrudescimento da pandemia. O uso de máscaras em todos locais de acesso público é obrigatório.

Sábado, 16 de Janeiro de 2021

Veja Também

Unidade Respiratória do Alvorada recebe nova rede de oxigênio

Garantir o suprimento de oxigênio nos leitos da UR (Unidade Respiratória) do Jardim Alvorada, unidade ...