Hortolândia reforça limpeza para evitar novas enchentes

Lixo e entulho descartados irregularmente foram retirados de uma área verde no Jardim Santiago

As equipes da Prefeitura de Hortolândia continuam as ações em todas as regiões da cidade para manter a cidade limpa e evitar enchentes e alagamentos nesta época de chuvas. Na manhã de ontem, lixo e entulho descartados irregularmente foram retirados de uma área verde no Jardim Santiago.
De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, o trabalho está intensificado para minimizar a ocorrência destes problemas recorrentes nesta época do ano. Além disso, a limpeza evita o surgimento de animais peçonhentos que possam transmitir doenças como a Dengue e a Chikungunya. É importante a colaboração da população para realizar o descarte correto destes materiais nos PEV’s (Pontos de Entrega Voluntária), LEV’s (Locais de Entrega Voluntária) e na coleta de lixo domiciliar.
Segundo a Secretaria de Serviços Urbanos, as equipes realizam o trabalho, todos os dias. Ao descartar materiais irregularmente em áreas verdes, praças, parques e nas vias da cidade, o munícipe, além de cometer um crime ambiental, contribui para o surgimento das enchentes, já que estes materiais são levados pelas enxurradas e acabam entupindo as redes de águas pluviais, prejudicando o escoamento, causando infiltrações no solo, estourando as tubulações subterrâneas e provocando alagamentos.

PEVS E LEVS
Nestes espaços públicos, os moradores podem descartar com segurança, gratuitamente, resíduos recicláveis e reaproveitáveis, como entulhos de construção, isopor, plástico PET, sofás, colchões velhos, o chamado “resíduo eletrônico”, dentre outros. Neles, não é permitido o descarte de lixo orgânico, resíduos industriais e provenientes dos serviços de saúde. No caso dos resíduos de construção, a quantidade de descarte é limitada a 1m³ por pessoa mensalmente (1.300kg, ou seja, cerca de 26 sacos de ráfia de 50kg ou o volume de uma caixa d’água de 1.000 litros). Os PEVs funcionam de segunda a segunda, das 8h às 12h e das 13h às 16h30.
A rede de equipamentos públicos da Prefeitura de Hortolândia para o descarte correto de materiais recicláveis conta, ainda, com os LEVs (Locais de Entrega Voluntária de Recicláveis). Neles, é possível descartar materiais como embalagens de vidro, garrafas pet, plásticos, papéis e papelões, isopor, copo descartável, entre outros materiais. Os LEVs recebem materiais 24h, todos os dias.
Cada contêiner tem capacidade de armazenar 2,5 m³ de recicláveis. Ao serem recolhidos pelo caminhão coletor, estes produtos são destinados à Cooperativa de Reciclagem parceira da Administração Municipal. Há 21 equipamentos em uso, distribuídos pela cidade.

“AGENDA VERDE”
O descarte irregular de entulho e resíduos é crime ambiental e está sujeito a multa. Atualmente, os valores variam de R$ 340 a R$ 34.000. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas e veículos que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde. Para baixar o aplicativo, basta fazer o download gratuito nas plataformas Google Play ou App Store do smartphone. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

Quarta-feira, 13 de Janeiro de 2021

Veja Também

Prazo para recorrer de auxílio-doença negado acaba hoje

O segurado do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) que teve o auxílio-doença negado em ...