Troca de presentes movimenta comércio da região após o Natal

Consumidores também aproveitam o intervalo entre a Fase Vermelha para comprar roupas para a virada do ano

Na última semana do ano, a tradicional troca de presentes de Natal e a procura por roupas para passar o Réveillon estão movimentando o comércio da região. Depois de três dias com as portas fechadas por conta do retorno à Fase Vermelha do Plano São Paulo nos dias 25, 26 e 27/12, comerciantes comemoram o movimento intenso de consumidores.
Em Sumaré, na Avenida Sete de Setembro, principal rua do comércio da cidade, o movimento está maior desde a segunda-feira. Gleine Miranda, proprietária da loja Transito Livre, conta que recebeu muitos clientes que precisaram trocar o presente e também consumidores à procura de roupa para passar a virada de ano.
“Muita gente veio fazer troca de presente, mas também recebemos clientes que estavam em busca de um look para o Réveillon”, comenta. De acordo com Gleine, nesta semana o movimento na loja tem sido intenso todos os dias.
A troca de presentes e a procura por roupas, principalmente as brancas, também foi grande na loja Outlet Shoes & Cia. “O movimento depois do Natal por causa da troca de presentes é tradicional e esperado. É muito comum um ou outro presente não servir e as pessoas fazem a troca logo depois do feriado”, comenta o proprietário Abner Marcondes.
A novidade, neste final de ano, ficou por conta dos cuidados com a pandemia. Marcondes lembra que a loja tem seguido à risca os protocolos sanitários para garantir a segurança de clientes e colaboradores.
A comerciante Arlene Caparroz, 55 anos, é exemplo de consumidora que sempre aproveita os dias logo após o Natal para fazer troca de presente. Ela conta que é comum ganhar presente com tamanho diferente do que usa e que por isto sempre precisa ir às lojas para fazer a troca.
“Este ano ganhei um vestido, mas vou precisar trocar por causa do tamanho. Gosto de fazer a troca logo para evitar problemas com relação ao prazo já que algumas lojas dão poucos dias para fazer a troca”, conta. Arlene diz que este ano pretende apenas trocar o vestido que ganhou e não deve gastar em novas compras.

Quarta-feira, 30 de Dezembro de 2020

Veja Também

Região segue na Fase Amarela, apesar do aumento de casos

Paulínia entrou em estado de alerta; ocupação hospitalar de pacientes graves está acima de 80% ...