Leandrinho, goleiro com a cara do Fumaça

Ao longo do tempo, um seleto número de jogadores foram protagonistas com a camisa do Fumaça, por diferentes razões. “Entre eles, está o goleiro Jefferson Leandro de Miranda, Leandrinho”, tricampeão sumareense pelo clube do Matão.
Leandrinho nasceu na cidade de Campinas, hoje com 33 anos, casado e pai de uma filha de 5 anos. Quando criança passava a maior parte do seu dia jogando bola na rua com os amigos. Como todo menino, sonhava em ser um jogador profissional.
Leandrinho começou sua carreira na escolinha de futebol do São Paulo, passando pela base do tricolor paulista, pela base do Guarani, Paulínia e Ginásio Pinhalense. Na Pinhalense, Leandrinho, realizou o sonho se tornando atleta profissional, onde disputou a Série A3 do Campeonato Paulista.
No futebol amador, Leandrinho iniciou sua carreira jogando pela Vila Teixeira, tendo passagem pelo Parque Brasília e Brasil do São Marcos, equipes amadoras de Campinas, chegando ao Fumaça, clube da região do Matão na cidade de Sumaré.
Leandrinho possui um currículo vitorioso dentro do futebol amador, conquistou inúmeros títulos de expressão, entre eles está o título de campeão estadual em 2005 pelo Parque Brasília. Entretanto as conquistas marcantes foram o tricampeonato amador de Sumaré pelo Fumaça.
As conquistas e as temporadas seguidas vestindo a camisa do Fumaça transformaram Leandrinho em ídolo da torcida fumacenta. Como um bom ídolo, ele tem o lenda viva, Fábio goleiro do Cruzeiro.
Já com certa idade, segue motivado em defender o clube do Matão. “Minha família sabe da importância que o futebol exerce na minha vida e do carinho que a torcida fumacenta tem por mim, assim com o apoio deles sigo motivado em defender a camisa do Fumaça, e, após pendurar as luvas no amador pretendo seguir como técnico do mais querido do Matão”, explica Leandrinho.
Como um bom esportista, Leandrinho gosta de todos os esportes, sempre disponibiliza prioridade quando o assunto é sua família. “Procuro me divertir muito na companhia da minha esposa, Delma, juntamente com minha filha, Clara Sophie, pois são as coisas preciosas que Deus me deu”, finaliza Leandrinho, um atleta vencedor dentro de fora de campo.

Sábado, 17 de Outubro de 2020

Veja Também

Florêncio F.C. homenageia o esportista Hélio Florêncio

No final do ano de 1990, Hélio Florêncio, foi convidado para fazer parte de um ...