Pesquisa do IBGE destaca desafios do acesso ao Saneamento Básico no país

Em Sumaré, ações realizadas pela concessionária BRK Ambiental proporcionaram avanços nos serviços de água e esgoto

No momento em que o mundo inteiro se preocupa em lavar as mãos para evitar a contaminação pela Covid-19, um levantamento realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) mostra que, em 2019, 6,1 milhões de domicílios brasileiros não contavam com abastecimento regular de água, isso representa cerca de 18,4 milhões de pessoas. A análise ainda mostra que, no período, 1,6 milhão de casas não contava com banheiro de uso exclusivo dos moradores. Apesar dos dados nacionais, felizmente, a situação em Sumaré é diferente. Com os serviços de Saneamento concedidos à BRK Ambiental desde 2015, a concessionária é responsável por tratar 95,6 milhões de litros de água diariamente, atendendo 282 mil de pessoas.
“Garantir os serviços de água para a população se tornou ainda mais essencial nos dias de hoje. Nossas equipes estão diariamente em campo para garantir o funcionamento dos sistemas de abastecimento e de tratamento de esgoto. Temos o compromisso de levar o Saneamento para a toda a população, e com isso proporcionarmos uma melhoria na saúde e qualidade de vida da população”, reforça Fernando Mangabeira, diretor da BRK Ambiental em Sumaré.
Mais do que garantir o abastecimento de água, a concessionária trabalha também para reduzir o índice de perdas. No Brasil, em média, 38% de toda a água captada no país se perde em vazamentos, ligações clandestinas e falhas de leitura de hidrômetro, são desperdiçados 6,5 bilhões de m³ de água, volume equivalente a mais de 7 mil piscinas olímpicas.
Em Sumaré, a BRK Ambiental reduziu o índice de perdas para 38,3% em 2019. O número é o menor registrado desde o início da concessão. Em 2015, o índice era de 60%. Na prática, 6,1 bilhões de litros de água foram preservados desde o início da concessão, sendo que 472 mil foram preservados só entre 2018 e 2019. Com o volume preservado total é possível abastecer 83 mil pessoas por 1 ano, ou seja 30% do município de Sumaré.
“Essa redução é resultado do trabalho contínuo que a concessionária realiza no município”, lembrou a empresa. Entre as principais ações executadas em 2019 estão a instalação de 18 macromedidores e de quatro válvulas redutoras de pressão, que são equipamentos hidráulicos que equalizam a pressão na rede de água, execução de 7,5 quilômetros de redes, entre novas e substituição de redes de fibrocimento, e a implantação da metodologia internacional “Conheça seu DMC” para setorização da cidade.
Em 2020, a BRK Ambiental promete prosseguir com o trabalho para redução do índice de perdas no município. Já está prevista a instalação de mais 11 macromedidores, a substituição de 4 quilômetros de redes antigas por novas e a substituição de 720 ligações de água por novas. Além disso, mais de 1580 quilômetros de redes passarão por pesquisa ativa de vazamentos não visíveis e serão intensificadas as pesquisas por fraudes e irregularidades no município.
“O controle de perdas é um fator de grande relevância em uma operação de saneamento básico, minimizar esse desperdício significa oferecer água de qualidade para um número ainda maior de pessoas. Por isso, investimos em tecnologia para buscar formas de identificar e corrigir vazamentos com mais agilidade”, explica o diretor.

A EMPRESA
A BRK Ambiental é a maior empresa privada de Saneamento do país, presente em 185 municípios brasileiros e atendendo a 15 milhões de pessoas. É parte integrante da Brookfield, empresa canadense que investe e administra ativos em mais de 30 países, e tem como parceiro o FI FGTS.
A BRK é responsável pelos serviços de Água e Esgoto em Sumaré desde o início de 2017, quando assumiu o controle acionário da concessionária anterior (que por sua vez havia vencido a concessão realizada pela Prefeitura em junho de 2015). A concessão pública tem validade de 30 anos e prevê uma série de investimentos visando a universalização dos serviços de Saneamento Básico na cidade.

Domingo, 13 de Setembro de 2020

Veja Também

Estado assina acordo por 46 milhões de vacinas da Covid-19 até dezembro

Termo assinado nesta quarta-feira assegura fornecimento de imunizante desenvolvido em parceria com o Instituto Butantan ...