Com dez óbitos em 24h, região chega a 314 vítimas fatais do novo coronavírus

Prefeituras acompanhadas pela reportagem informaram também mais 183 casos, totalizando 8,2 mil infectados

As prefeituras de Sumaré, Hortolândia e Paulínia contabilizaram na quarta-feira (05/08) mais dez óbitos causados pelo novo coronavírus, elevando o total de mortos na microrregião a 314 desde o início da pandemia, com uma taxa de letalidade de 3,8% dos pacientes que testam positivo, e uma incidência de 42,2 óbitos por cada 100 mil habitantes. Também foram confirmados mais 183 casos positivos, elevando o total de infectados, nas cinco cidades, a 8.267, com incidência de 1.113,1 casos por 100 mil pessoas. O total de óbitos cresceu 20% em uma semana, e 140% no último mês.
Em Sumaré, as quatro novas vítimas fatais confirmadas incluem um paciente idoso, de 73 anos, que faleceu dia 04/08 no Hospital Beneficência Portuguesa, em Campinas; um idoso de 77 anos que faleceu dia 29/07, também no Beneficência Portuguesa; um idoso de 69 anos que faleceu dia 04/08 na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Macarenko e um homem de 63 anos que faleceu dia 31/07 no PA (Pronto Atendimento) Anchieta, em Campinas. Todos tinham comorbidades segundo a Prefeitura, ou seja, doenças ou condições de saúde pré-existentes que agravam os riscos da Covid-19. A cidade chegou a 132 óbitos pela nova doença.
Com mais três óbitos entrando para as estatísticas oficiais, Hortolândia chegou na quarta-feira a 90 mortes pela nova doença. As novas vítimas fatais incluem um paciente homem, idoso (de 64 anos), internado no Hospital Samaritano de Campinas em 07/07, onde veio a falecer quase um mês depois, em 04/08; e um homem também idoso, de 63 anos, internado na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia em 13/07, transferido para o Hospital das Clínicas de Barradas em 15/07, onde faleceu dia 31/07. Ambos tinham comorbidades, segundo a Saúde hortolandense. Os dados da 90ª vítima da cidade ainda não haviam sido divulgados pela Prefeitura.
Por fim, o Comitê de Prevenção ao Coronavírus de Paulínia informou na quarta-feira mais três óbitos por Covid-19, elevando o total da cidade a 41. A 39ª vítima fatal do vírus é um paciente do sexo masculino, de 54 anos, com antecedente de doença cardiovascular, diabetes mellitus e obesidade (que são comorbidades). Ele foi internado em 15/06 em um hospital público de Jundiaí, onde veio a falecer dia 28/06.

ASILO
Mais duas mortes de moradores de Paulínia por Covid-19 aconteceram novamente no Centro Municipal de Geriatria mantido pela Prefeitura, que assim chega a quatro óbitos de idosos. Segundo o Comitê de Prevenção e Enfrentamento à Covid-19 da cidade, no último sábado (1º/08), faleceu uma idosa de 86 anos que estava internada no Hospital do Centro de Combate ao Coronavírus de Guarulhos. E na madrugada da quarta-feira (05/08) veio a óbito um idoso de 72 anos que estava internado no HMP (Hospital Municipal de Paulínia).
Quatro idosos do Centro de Geriatria seguem isolados, aguardando o resultado dos exames já coletados, “sendo que são dois casos confirmados que já cumpriram a quarentena e aguardam pelos resultados para saírem do isolamento e os outros dois casos são suspeitos”. Entre os funcionários dos nove que estavam com Covid-19, dois já voltaram a trabalhar e os demais já cumpriram a quarentena e aguardam os resultados de seus exames, para que também possam retornar a suas funções.

ESTADO E BRASIL
Na quarta-feira, o Estado de São Paulo chegou a 24.109 óbitos e 585.265 casos confirmados do novo coronavírus, com 387.918 pessoas recuperadas e 13.060 ainda internadas, das quais 5.544 em UTIs (Unidades de Terapia Intensiva), cuja taxa de ocupação é de 60,2%.
O painel do Ministério da Saúde indicou o registro de mais 1.437 óbitos por Covid-19 em 24 horas, totalizando 97.256 mortes pela nova doença, além de 57,1 novos casos positivos, elevando o total de infectados, no Brasil, a 2,85 milhões desde o início da pandemia, com taxa de letalidade de 3,4% dos positivados.

Quinta-feira, 6 de Agosto de 2020

Veja Também

BRK realiza mais uma etapa da obra de ampliação da ETA 2 nesta 3ª-feira

Intervenção vai ampliar disponibilidade de água para 190 mil moradores; 32 bairros podem ter oscilações ...