Suspeito de planejar morte de policial militar é preso por tráfico em Sumaré

Acusado seria integrante da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), segundo informações da própria Polícia Militar

Uma denúncia anônima sobre a suposta localização de um homem que planejaria matar um policial militar ajudou na localização de 520 microtubos de cocaína e 138 porções de maconha na casa do suspeito, que fica no Condomínio Coronel, na região do Matão, em Sumaré. A abordagem foi realizada por policiais militares da Força Tática. Segundo a PM, o homem também faria parte do PCC (Primeiro Comando da Capital), facção que age dentro e fora dos presídios. O homem foi conduzido ao 4º Distrito Policial, onde foi autuado em flagrante sob acusação de tráfico de drogas. A suspeita sobre o possível atentado contra policiais será apurada durante o inquérito policial.
Segundo a PM, por volta das 11h30, os policiais foram apurar uma denúncia recebida por meio de uma ligação telefônica na sede da 2ª Companhia, que informava que um homem guardava entorpecentes, em sua residência e que ele também faria parte de facção criminosa. Ele estaria planejando matar um policial militar com a ajuda de um comparsa.
Várias equipes da PM fizeram um cerco perto da casa do suspeito. Os policiais estiveram no endereço informado, onde teriam localizado a mãe do suspeito. Ela teria autorizado a entrada e a busca no imóvel. No interior do guarda-roupa do suspeito, os policiais teriam localizado as porções de entorpecentes.
Através de informações fornecidas pela própria mãe do suspeito, os policiais teriam o localizado na residência de um conhecido no bairro. Ele teria confessado sua responsabilidade sobre os entorpecentes, mas se negou a dizer quem seria o fornecedor.
O suspeito foi encaminhado ao distrito policial, onde prestou depoimento ao delegado Marcelo Moreschi Ribeiro, que também irá apurar a denúncia sobre o suposto plano de assassinar um policial. O homem foi transferido à Cadeia de Sumaré, onde ficou até ser apresentado à audiência de custódia.

Sábado, 27 de Junho de 2020

Veja Também

Comerciante e tapeceiro são mortos à tiros em Hortolândia

Atiradores invadiram bar onde vítimas estavam, mandaram que clientes corressem e em seguida atiraram várias ...