Metralhadora e 6,6 kg de drogas são apreendidas na ‘Vila Soma’

Uma denúncia anônima levou à Polícia Militar até a localização de 6,6 quilos de maconha, submetralhadora ponto 40, carregador de revólver e 27 munições de vários calibres após abordagens realizadas na ocupação conhecida com “Vila Soma”, em Sumaré, no início da madrugada da sexta-feira (29/11). O auxiliar de serviços gerais I.D.S.S., de 25 anos, e o ajudante geral J.S.B.S., de 28 anos, foram presos acusados de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse ilegal de arma de fogo. Levados ao Plantão Policial, ambos prestaram depoimento e depois foram conduzidos à Cadeia de Sumaré, onde ficaram à disposição da Justiça.
Segundo o boletim de ocorrência, aos quatro minutos da madrugada de sexta-feira (29), os policiais da Força Tática faziam patrulhamento próximo à “Vila Soma” quando receberam uma denúncia anônima sobre o suposto responsável pelo tráfico de drogas na ocupação. Os policiais seguiram então até a moradia do auxiliar na ocupação, onde encontraram as munições.

ANOTAÇÕES
Na cozinha da casa, os PMs encontraram um caderno com a suposta anotação do tráfico de drogas. Questionado sobre o seu envolvimento com o tráfico, ele teria informado que precisava de dinheiro, pois paga duas pensões alimentícias aos filhos.
Logo em seguida, os policiais foram até a moradia do ajudante geral, que também fica na ocupação, onde foi localizada uma submetralhadora, mais munições e coletes balísticos, os entorpecentes, radiocomunicadores, balança de precisão e celular.
O auxiliar alegou que as armas e drogas lhe pertenciam e que J. estava morando no local há dois meses, após vir da Bahia. A versão não convenceu o delegado Marco Antonio Braga Rodrigues, que decidiu autuar em flagrante os dois homens. Ambos foram levados à Cadeia de Sumaré até serem apresentados no Fórum para as respectivas audiências de custódia.

Sábado, 30 de Novembro de 2019

Veja Também

Carpinteiro morre ao engasgar com um simples pedaço de carne

A Polícia Civil apura a morte do carpinteiro Celso Garcia, de 51 anos, que teria ...