Ronaldo Mendes solicita à BRK explicações sobre Taxa de Esgoto

O vereador Ronaldo Mendes (PSDB) apresentou na Câmara um requerimento em que solicita informações à concessionária BRK Ambiental sobre a possibilidade de ser enviada, ao Legislativo Municipal, cópia do processo de regulamentação de cobrança da Taxa de Esgoto de condomínios de Sumaré. O documento, aprovado por 17 votos durante a sessão da última terça-feira (19), foi proposto após o parlamentar ser questionado por moradores das imediações dos condomínios do Parque Emília, na região central da cidade.

O requerimento assinado pelo parlamentar aponta que “alguns condomínios que já realizam o tratamento do esgoto estariam tendo a taxa cobrada normalmente, enquanto outro conjunto residencial que utiliza o mesmo sistema de tratamento teria sido beneficiado com isenção da taxa”
“Sendo assim, vale ressaltar a importância de como é feita a avaliação ou regulamentação para saber quem se enquadra na isenção de taxa e quem não se enquadra, visando à transparência dos serviços prestados pela concessionária BRK Ambiental”, diz o texto do requerimento.
“É lamentável que uma empresa a qual deveria prezar pela transparência de suas cobranças cause tamanho desconforto e constrangimento aos nossos munícipes quanto à sua transparência na regulamentação na cobrança de taxas de serviços”, defendeu em nota o autor do requerimento.
O documento aprovado em plenário ainda pede informações sobre como é analisada a cobrança da Taxa de Esgoto em condomínios que possuem algum tipo de tratamento de resíduos e quais ações serão tomadas pela empresa para resolver os problemas relatados pelos moradores.

OUTRO LADO
Também em nota, a concessionária informou que “ainda não recebeu o requerimento do vereador, mas está à disposição para prestar todos os esclarecimentos”. “No bairro informado, há a prestação do serviço de coleta e afastamento de agosto. Os imóveis interligados são tarifados de acordo com o preconizado no Regulamento da Concessão, que representa 80% do valor da fatura de consumo de água”, resumiu a empresa.

Veja Também

Coden termina reparo em adutora e abastecimento volta ao normal

Equipes da empresa de Saneamento de Nova Odessa trabalharam ininterruptamente por 30 horas no conserto ...