Instituto CCR e Ministério da Cultura trazem teatro móvel solar a Hortolândia

Com o patrocínio da CCR AutoBAn, Teatro a Bordo estaciona no Centro Cultural do Jardim Amanda, nos dias 08, 09 e 10 de novembro

Hortolândia recebe nesta quinta (08), sexta-feira (09) e sábado (10) um palco de teatro diferente. Ele é móvel – as apresentações acontecem em um conteiner – e sustentável – utiliza energia solar como fonte para a iluminação das atividades, que são variadas, como oficinas educativas, visitas às escolas, cortejos, peças de teatro e espetáculos de artistas locais.
Este é o Teatro a Bordo, primeiro teatro móvel solar do país, que tem o patrocínio do Instituto CCR, por meio da CCR AutoBAn – concessionária que administra o Sistema Anhanguera-Bandeirantes e integra o Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo -, em parceria com a Prefeitura de Hortolândia. As apresentações são gratuitas e acontecem no Estacionamento do Centro Cultural “Inês Aparecida da Silva Afonso”, na Rua Casemiro de Abreu, s/nº, Jardim Amanda.

PROGRAMAÇÃO
O Teatro a Bordo oferece programação diversificada: personagens da tradição oral brasileira, músicas do cancioneiro popular, gagues de palhaços, interação com o público em oficinas educativas e valorização da cultura local com os artistas da cidade, além de trazer a mensagem da sustentabilidade como um compromisso de todos.
Inspirados nas trupes da commedia dell’arte que cruzavam a Europa entre os séculos XV e XVIII em carroças e, muitas vezes, criavam efeitos de luz em seus espetáculos com o sol refletido em espelhos, o Teatro a Bordo utiliza a tecnologia atual para dar vida às histórias. Aliando arte e sustentabilidade, o projeto utiliza desde 2015 a eletricidade solar para iluminar seus espetáculos, contando com um sistema fotovoltaico projetado para a captação solar no teto do seu contêiner-palco.
As atividades não se restringem apenas ao local onde o contêiner-teatro estaciona. Assim como faz o circo em sua chegança, os artistas realizam cortejos pela cidade e intervenções nas escolas públicas um dia antes, com brincadeiras e informações sobre a programação. Depois, o contêiner se transforma em palco para as apresentações gratuitas e abertas ao público.
O projeto Teatro a Bordo – De Sol a Sol é apresentado pelo Ministério da Cultura e pelo Instituto CCR, com o patrocínio da CCR AutoBAn, por meio da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, em uma realização da BERTHI Produção e Arte e apoio local das Prefeituras Municipais. O Instituto CCR é uma entidade privada, sem fins lucrativos, criada em 2014, com o objetivo de estruturar a gestão de projetos sociais, culturais, ambientais e esportivos apoiados há mais de dez anos pelo Grupo CCR, por meio de suas concessionárias.

Veja Também

Cantora Negra Li participa de debate sobre feminicídio em Hortolândia

No “Mês da Mulher”, a Prefeitura de Hortolândia traz a questão da violência contra a ...