PF cumpre em Hortolândia mandado de busca da Operação ‘Salvo Conduto’

Ação também foi realizada em São Paulo, Jundiaí e Distrito Federal; mandados foram todos expedidos a pedido da PF pela Justiça Federal

A Polícia Federal defl agrou na manhã de quarta-feira (10) a Operação “Salvo Conduto” contra a lavagem de dinheiro, que supostamente teria o envolvimento do vice-presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Mang, conhecido como Teodorin – que seria inclusive proprietário de uma cobertura duplex de mais de 1.000 metros quadrados localizada nos Jardins, área nobre de São Paulo. Foram cumpridos 7 mandados de busca e apreensão nas cidades de São Paulo, Hortolândia, Jundiaí e Distrito Federal, todos expedidos a pedido da PF pela 6ª Vara Criminal da Justiça Federal em São Paulo
De acordo com a PF, a Justiça Federal também bloqueou seis carros de Teodoro Obiang – uma Lamborghini, uma Maserati, um Porsche, uma Mercedes-Benz, um Ford Fusion e uma Hyundai Santa Fé.
A apuração está sendo realizada por 35 policiais federais que atuam diretamente na operação, que investiga fatos referentes a dois inquéritos policiais reunidos em setembro deste ano, por tratarem de fatos envolvendo o mesmo investigado, condenado na França por adquirir propriedades com dinheiro público desviado de seu país de origem, na África, e investigado nos EUA, dentre outros crimes, por lavagem de dinheiro e desvio de recursos públicos.
O primeiro inquérito policial foi instaurado em março de 2018, depois do envio de informações do Ministério Público Federal, no mês anterior, para que a PF iniciasse investigação para apurar o crime de lavagem de dinheiro em razão dos indícios de ocultação de propriedade relacionada à compra, em 2008, de um apartamento duplex localizado nos Jardins, em São Paulo. O imóvel foi adquirido, na época, por R$ 15 milhões. As investigações apontam que o imóvel, adquirido por uma empresa com capital social de R$ 10 mil, pertenceria ao investigado.

VIRACOPOS
O segundo inquérito policial foi instaurado no dia 20 de setembro deste ano, após a apreensão realizada em 14 de setembro pela Receita Federal, no Aeroporto de Viracopos, em Campinas, de 1,4 milhão de dólares, R$ 60 mil em espécie, além de 20 relógios de pulso, avaliados por aquela instituição em torno de 15 milhões de dólares. Os bens foram trazidos do exterior sem a declaração de bens e valores obrigatória. A Polícia Federal considera que o montante apreendido seria usado no esquema.
Ainda segundo a PF, são apurados dois atos de lavagem de dinheiro, o primeiro relativo à aquisição, por meio de interposta pessoa, de um apartamento de luxo e o segundo relacionado à ocultação de movimentação de bens e valores ao entrar no Brasil. As investigações prosseguem com a colheita de depoimentos, análise do material apreendido e pedido de cooperação jurídica internacional, para esclarecer a participação de todos os envolvidos. O crime de lavagem de dinheiro tem penas que variam de 3 a 10 anos de reclusão.

OUTRAS ACUSAÇÕES
Teodoro Obiang já foi investigado pelos Estados Unidos em outros países da Europa por lavagem de dinheiro, abuso de confiança e corrupção. Ele chegou a ser condenado pelas mesmas acusações por um tribunal da França, em 2017. A Polícia Federal brasileira deve fazer um pedido de cooperação internacional com o objetivo de apurar se ele estaria usando o dinheiro supostamente ilícito para aquisições de propriedades no Brasil.

Veja Também

Polícia Militar apreende mais de 20 quilos de maconha no Jardim Picerno

Denúncia anônima ao telefone 181 levou policiais até a localização dos entorpecentes; dois homens foram ...