Câmara de Sumaré debate contratação de bombeiros por grandes empresas

A Câmara de Sumaré sedia nesta quinta-feira (13), a partir das 19h, audiência pública para debater a importância do bombeiro civil nas grandes empresas do município. O evento é promovido pelo vereador Willian Souza (PT), autor da Lei Municipal nº 6.032/2018, que exige a manutenção mínima de um bombeiro civil em estabelecimentos privados, como indústrias, supermercados, hospitais e hotéis.
Foram convidados para audiência o presidente do Sindibombeiros (Sindicato dos Bombeiros Civis do Estado de São Paulo) subsede de Campinas, Derivaldo Alves, o presidente da Acias (Associação, Comercial, Industrial e Agropecuária de Sumaré), Domingos Guerreiro, o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Josué Cardozo, o secretário municipal de Segurança Pública, Ricardo Zequin, e o comandante do Corpo de Bombeiros de Sumaré, Mário Dizerzo Bertolo.
Os vereadores de Sumaré aprovaram em fevereiro, por unanimidade, o Projeto de Lei de Willian Souza que instituiu a obrigatoriedade, em todo o município, da presença de um bombeiro civil nos estabelecimentos privados, determinando multa às empresas que não se adequarem.
De acordo com a proposta, os estabelecimentos privados sujeitos à regra são shopping centers; casas de show, espetáculos e reuniões de uso privado; hipermercado e grandes lojas de departamento; campus universitário; indústrias em geral, condomínios empresariais e galpões modulares; hospitais particulares e/ou privatizados; estádios de futebol e ginásio poli esportivo, quando de uso privado; hotéis, colônia de férias e pousadas.
Para os estabelecimentos que descumprirem a Lei, está prevista autuação com prazo para sanar as irregularidades entre 15 (quinze) e 60 (sessenta) dias corridos; multa, recolhida aos cofres do município, com valor de R$ 5.000,00 sendo seu valor dobrado a cada reincidência; interdição do estabelecimento ou suspensão total da atividade eventual e; suspensão do alvará de funcionamento até o cumprimento desta lei sob fiscalização do órgão competente.

Veja Também

Mimo Ravagnani, da AEAS, ministra palestra em Fórum sobre Resíduos

Presidente da entidade sumareense também prestigiou iniciativa da Associação dos Engenheiros de Holambra, com apoio ...