Hortolândia limpa área onde será implantado o Parque Novo Ângulo

A movimentação de máquinas no terreno que fica ao lado da UBS (Unidade Básica de Saúde), no Novo Ângulo, marca o início das obras do Parque Socioambiental, nova área de lazer da cidade. A área começou a ser limpa pela Prefeitura de Hortolândia, com a preparação do terreno para receber o serviço de terraplenagem. O parque terá quadras esportivas, parquinho, academia ao ar livre, além de projeto diferenciado de paisagismo. O objetivo da Administração Municipal é garantir mais desenvolvimento à cidade e qualidade de vida à população.
De acordo com a Secretaria de Obras, a nova área de lazer terá mais de 16 mil metros quadrados. O prazo para que o parque seja construído é de oito meses. A obra é realizada entre a Rua Edézio Vieira de Moraes (Jardim Novo Ângulo) e Rua Lorena (Jd. Nova América), onde hoje existe uma área desocupada.
Um diferencial do projeto será a quadra poliesportiva, espaço que a população poderá utilizar para a prática de diversas modalidades. Além disso, como o parque ficará ao lado da UBS, haverá uma área multiuso ao ar livre que possibilitará que o espaço seja utilizado para atividades de saúde e bem estar da comunidade, em parceria com a Secretaria de Saúde. Haverá, ainda, bicicletário, parquinho para as crianças, academia ao ar livre, espaços de convívio com bancos e estacionamento ao redor. O parque terá, também, ciclovia no entorno e pista de caminhada.
Para ornamentar o novo parque, o paisagismo prevê a implantação de uma fonte interativa de piso, que vai jorrar água. Nos dias de verão, por exemplo, as crianças poderão se refrescar no espaço. Uma alameda de flores embelezará o espaço, que terá, também, um muro com arte em grafite.

PIC
A obra do Parque Socioambiental Novo Ângulo faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), programa que prevê mais de 100 intervenções e serviços que promoverão o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. As obras são realizadas por meio de parcerias da Prefeitura com a iniciativa privada, governos Estadual e Federal, sendo que a principal fonte de recursos é um financiamento junto ao banco internacional CAF.
Entre estas obras, o PIC prevê cinco novos parques lineares, que vão compor o corredor ecológico na cidade. A ação proporcionará a recuperação de nascentes e matas ciliares, além de garantir novos espaços de lazer à população, com ciclovias e pistas de caminhada.

Quinta-feira, 23 de Janeiro de 2020

Veja Também

Hortolândia recebe parede de escalada esportiva do Circuito Sesc de Esportes

Você sabia que a escalada esportiva estreará, neste ano, nos Jogos Olímpicos de Tóquio? Os ...