Pastor Max da GCM ajuda na localização de entorpecentes

A GCM (Guarda Civil Municipal) de Sumaré apreendeu 33 trouxinhas de maconha, um vidro de lança-perfume e R$ 48,00 em dinheiro com um adolescente de 17 anos que teria sido apontado pela corporação como envolvido em um esquema de tráfico de drogas. A maior parte dos entorpecentes foi localizada com a ajuda do pastor cinza Max, do Canil da corporação municipal. A abordagem ocorreu no Jardim Picerno, em Sumaré, na noite de domingo (11/08).
Conforme as informações prestadas pela GCM, guardas da Romu (Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas) foram checar uma denúncia anônima que apontava que um jovem estaria comercializando entorpecentes naquela região. Os guardas reforçaram o patrulhamento e acabaram localizando o adolescente, que tinha as mesmas características informadas anteriormente pelo denunciante.
Com o menor, os guardas encontraram três porções de maconha, um frasco de lança perfume e R$ 48 reais em notas trocadas. Os guardas utilizaram o cão Max para fazer uma varredura nas proximidades. O animal localizou o restante do entorpecente escondido em um buraco a poucos metros do local onde o menor havia sido abordado. O adolescente foi levado ao Plantão Policial, mas foi liberado ao responsável mediante o compromisso de ser apresentado à Vara da Infância e Juventude do Fórum da cidade, para acompanhamento do caso.

Terça-Feira, 13 de Agosto de 2019

Veja Também

Águia da PM pousa na Anhanguera para socorrer vítima de acidente

O motociclista R.R., de 39 anos, foi socorrido pela equipe aeromédica do Helicóptero Águia da ...